O PseudoAutor

Minha foto

Baiano nascido numa tarde de julho de 1991. Agnóstico e hipster, estudante de História, apaixonado por simbologias, mitologias e animais pré-históricos.

Escreve amadoramente desde 2007; após alguns anos e quase trinta livros rascunhados, Alec publicou uma coletânea de histórias curtas (Zarak, o Monstrinho, Multifoco, 2011), um conto numa antologia sobre répteis cuspidores de fogo (Dragões, Draco, 2013) e um romance autobiográfico fantástico (A Guerra dos Criativos, independente, 2013), além de algumas obras virtuais na Amazon.

Atualmente se divide em pesquisas para projetos literários e coordenação editorial de um selo independente.

Visitas

[Especial] Natal Amoral

Cansado daqueles contos melosos e adocicados de Natal que todo ano aparecem aqui e ali, seja em filme ou livro, em blog ou novela? Se sim, sente-se aqui e vamos aproveitar uma ideia de última hora que tive para este ano.

Postei no meu perfil no Facebook a seguinte chamada:
Com isso, convidei quem quisesse a escrever um conto natalino diferente, o qual apelidei de Natal Amoral.

Pois bem, resolvi deixar esta postagem como rápida explicação e conservar aqui todos os textos que me forem apresentados até a data estipulada. Enfim, aproveitem as festas e boas leituras!

Contos Amorais

Você Pode Acreditar, de Don Ryu Dragoni
Noite Feliz, de Valentina Silva Ferreira
Ho-ho-ho!, de Alastair Dias

0 comentários: